Galba Velloso

Galba Velloso tem uma grande paixão por cavalos. Certo dia, presenteou o então presidente João Figueiredo com livro sobre esses animais maravilhosos. Advogado da velha guarda, Velloso é de família tradicional mineira onde chegou a ser eleito vereador em Belo Horizonte e deputado estadual. É sócio da Pedro Aleixo, foi consultor da União e da República e ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST).

Galba Velloso

Churchill foi derrotado pela Previdência

Porque não uma reforma bancária com os instrumentos legais de que o governo já dispõe

Fake view, a fake news a partir do noticiário direcionado

Cinco ou dez ilícitos publicados em sequência levam a concluir que há um colapso da ordem

Papai Noel às avessas

Papai Noel verdadeiro deveria dar uma segunda chance ao Brasil, abrindo novas perspectivas

Temer embaixador na Itália

Desejamos na cadeia não apenas Battisti como também o nefasto presidente Michel Temer

Posse e mandato com segurança máxima

O que ganha relevo na solenidade de 1˚ de janeiro de 2019 é a necessidade de implacável segurança

Escolha sábia da data para cirurgia do presidente eleito

Se Bolsonaro não pudesse empossar-se na data prevista, teríamos o pretexto como no caso de Sarney

Dez Jatenes

Faça uma reforma bancária, pois o serviço da dívida equivale a reconstruir uma Europa por ano

JB, o presidente eleito

Deixemos para trás a interminável e virulenta discussão, a famosa “nós contra eles”

A Constituição cidadã

Mais do que de leis, o Brasil precisa de obras como especificadas em metas, como fez Juscelino

Pátria amada

O país cresceu e adotou o sistema do demérito, valorizando o chucro, o lucro, a ignorância

Debate não é tourada

Pão e circo é um binômio para os romanos antigos. Precisamos de pão, mas dispensamos o circo

Política não é biscoito

Parlamentares estão em campanha com as verbas, cargos e a publicidade de sua atuação

Se votar em Haddad, você vai para o inferno

Não é admissível um candidato que encarna marionete manipulada desde a prisão de Curitiba

Pimentel: votem em Bolsonaro

Brincando com fogo, não se apercebe que os índices já alcançados por Bolsonaro superam as pesquisas

Lobos uivam ao luar

Causa estranheza que o lobo seja de esquerda e atente contra um candidato da direita

Não é a Previdência, são os bancos

Omissão escandalosa do BC se explica pelo fato de que é uma agência controladora capturada

As pesquisas

Difícil crer que o candidato Jair Bolsonaro permaneça há quase um ano na faixa dos 20% ou pouco mais

Lei eleitoral tenta impedir a renovação

Personagens que não foram presos elaboraram regras restritivas para os candidatos sem mandatos

A discriminação salarial contra as mulheres

Contraria princípios da CLT, que não admite sequer discriminação entre trabalho intelectual

O príncipe e o general

Apoio a Bolsonaro decorre de sua linha política, não do desejo de um governo próximo de ser militar

Dilma é inelegível

Presidente do STF incorreu, junto com os votantes, em abuso de poder e desvio de finalidade

Quadrilhas julhinas

Causa estranheza a maneira brusca pela qual pretensos vices tiveram a aspiração vetada

É preciso mais que o centro para deter o PT

Candidatos de centro, da região centro-sul, não poderão se travestir subitamente em rufiões

O plantonista

O PT em lugar de fugir e esconder-se com a carapuça dos culpados, assumiu um protagonismo descabido

Fake news, a história

Ela já teve um doutrinador com a frase: Uma mentira mil vezes repetida acaba se tornando uma verdade

O povo não faz acordo

Presidencialismo de coalizão é no entendimento e na língua do povo uma enorme safadeza

Maria Esther Bueno, do Brasil

Em todo o mundo, esportistas, governos e populações sentiram uma perda pessoal

Blindar as eleições

Nada mais perigoso do que uma greve sem comando, pois não há com quem dialogar e negociar

O fósforo e a gasolina

Também não estava na pauta dos caminhoneiros autônomos e de boa-fé a pauta das empresas

Petrobras: cinco reais é um assalto

Não é aceitável que dos cinco reais ontem praticados, 41% do preço sejam de impostos

CIA e PT preocupados com direitos humanos

A renúncia de um, como a leviandade dos outros ajudam a candidatura Jair Bolsonaro

As rosas de maio

A humanidade foi socorrida pela inspiração da religiosidade para louvar as mães

Dia do trabalhador, sem emprego

É preciso o anúncio de medidas concretas, que JK usou para resgatar milhões de brasileiros

A política é como nuvem

Candidatura mexe com adversários, mas política uma ora está de um jeito e a seguir de outro

BC capturado e “bancos sujos na praça”

Dessa promiscuidade em que o corpo diretivo são dos bancos, resultam juros estratosféricos

As rosas de abril

Bem-vindo o empoderamento feminino, sem o qual a sessão do Supremo poderia virar tortura de espinhos

A última chance do Supremo

Estaria dando o tiro de misericórdia na sua própria autoridade e respeito público

Nova forma de composição do STF

Responsabilidade é dos protagonistas que não conseguem atingir o nível esperado pelo País

O parto da montanha

Implosão do Estado caracteriza uma situação heterodoxa, que a ortodoxia democrática tem dificuldade

A água fresca

Temer poderia ter desenvolvido um programa de barragens para armazenar as águas

“Oscar” para o povo brasileiro

Como sempre sabem fazer, se viram, improvisam, mudam de atividade, ajudam-se e subsistem

Joaquim Barbosa, um nome para o Brasil

De maneira geral os presidenciáveis têm o perfil apenas de candidato, mas não de presidente

As armas da República

General designado deveria começar prendendo alguns dos participantes das reuniões

Há uma maneira de crescer: crescendo

As frentes de trabalho para ativar ou manter ativa a economia vêm desde os faraós

A ascensão de Bolsonaro

E o Padre Antônio Vieira destacava que o êxito do orador depende do tema que trata

A marcha dos insensatos

República não abdicará! Ela renascerá com o povo e a única arma legítima que é o voto

Temer e a quebra da norma de ouro

O que ocorre no País é exatamente o contrário, com um presidente a quem o fracasso subiu à cabeça

O perfil da Presidência

A reputação ilibada é uma posição superior que transcende o simples debate entre ser ou não ser réu

Belo Horizonte, sorri pra mim

Exige nosso esforço para restaurar, em favor dos belorizontinos, uma qualidade de vida aceitável

O colapso da saúde pública

Faltam estrutura hospitalar, equipamentos, médicos, valorização da consulta e até medicamentos

FHC versus FHC

É triste quando numa crise um doutor honoris causa proponha que se repita contra o povo

Temer e o fascismo econômico

As recentes medidas adotadas são exemplos do caráter, ou falta dele, de um governo

Permanência de Temer constrange

Em lugar de valer-se de argumentos jurídicos e fáticos, adotou um procedimento de cooptação

A terceirização do STF

Volta atrás em um clima de confronto, tensão e articulação política, de favores e de conchavos

Voto nulo é voto a favor dos ladrões

Devemos votar de maneira válida, evitando a abstenção, a ausência e o voto nulo

A essência da cautela constitucional

Tais fatos sacudiram a República para frente e para trás, abalando a vida cotidiana do País

A Suprema Burocracia

Janot entrou não como herói, mas como vilão, mesmo para aqueles que desaprovam Michel Temer

As circunstâncias da delação de Joesley

Se Joesley tivesse sido mandado à casa de Lula, o gravador teria feito registros alto e bom som


AO VIVO NBR - decreto da posse de armas
Rollemberg diz que Ibaneis mostra preconceito ao sugerir fechar a orla do Lago
veja +
No lançamento da Campus Party, governo do DF anuncia wi-fi social
Desafios da área econômica no novo governo
Desacordo sobre o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa
veja +