Bolsonaro diz que advertiu filho sobre frase de fechar o STF

autor Misto Brasília

Postado em 22/10/2018 16:44:55 - 16:40:00


Deputado Eduardo Bolsonaro é o primeiro da esquerda para a direita/Arquivo

Presidente do STJ diz que há exagero na repercussão e Toffoli fala em atacar a democracia

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, afirmou nesta segunda-feira em entrevista ao SBT que repreendeu o filho Eduardo Bolsonaro pelo “absurdo” da declaração gravada em um vídeo em que o deputado eleito fala na possibilidade de fechar o Supremo Tribunal Federal (STF). Eduardo disse num vídeo que bastava um cabo e um soldado para fechar o Supremo.

“Eu já adverti o garoto, o meu filho, a responsabilidade é dele. Ele já se desculpou. Isso aconteceu há quatro meses, ele aceitou responder uma pergunta que não tinha nem pé nem cabeça, e resolveu levar para o lado desse absurdo”, disse Bolsonaro em entrevista gravada em sua casa na zona oeste do Rio de Janeiro.

O deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que deverá assumir a Casa Civil em caso de vitória do candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, disse que um eventual governo do capitão reformado do Exército vai respeitar rigorosamente a Constituição.

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), João Otavio de Noronha, afirmou que houve um exagero na repercussão da declaração do deputado federal. O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, disse em nota que “atacar o Poder Judiciário é atacar a democracia”.


Ibaneis bate boca com deputados distritais da oposição sobre escolas militares
AO VIVO TV Câmara Legislativa
veja +
Maia vai instalar nesta quarta comissão para discutir novas regras para o saneamento
Deputados cobram desbloqueio de recursos para a educação
Presidente da Cobap, Warley Gonçalves, sugere uso da máquina para reeleição
veja +