Joesley Batista é novamente preso pela Polícia Federal

autor Misto Brasília

Postado em 09/11/2018 07:34:27 - 07:33:00


Joesley Batista e Ricardo Saud novamente envolvidos em denúncias/Arquivo

Operação policial nesta manhã mira também o ex-ministro da Agricultura Antonio Andrade

O empresário Joesley Batista foi preso esta manhã na Operação Capitu. Também foi preso numa fazenda de Minas Gerais na ação policial o ex-ministro Antonio Andrade do governo de Dilma Rousseff. Atualmente ele é vice-governador de Minas Gerais. Alvo também de mandado de prisão, o ex-executivo da JBS,  Ricardo Saud, não foi preso porque estaria no exterior. Foi preso também o diretor financeiro da JBS, Demilton Antonio de Castro. Atualizado às 07h37

O objetivo é investigar lavagem de dinheiro e repasse ilegal de verbas para o Ministério da Agricultura no governo Dilma Rousseff (PT). A Polícia Federal apura o envolvimento do vice-governador de MG em esquemas de corrupção na época que comandava a Agricultura com pagamento de propina que envolveria a JBS.

De acordo com informações da Polícia Federal, estão sendo cumpridos 63 mandados judiciais de busca e apreensão e 19 de prisão temporária, todos expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1).

A Operação se baseou em delaração de Lúcio Bolonha Funaro – doleiro ligado ao MDB – sobre supostos pagamentos de propina a servidores públicos e agentes políticos que atuavam direta ou indiretamente no MAPA em 2014 e 2015, segundo o portal Uai.

A organização criminosa atuava na Câmara dos Deputados e no Mapa e era formada por empresários e executivos da JBS. 

“Esse grupo dependia de normatizações e licenciamentos do MAPA e teria passado a pagar propina a funcionários do alto escalão do Ministério em troca de atos de ofício, que proporcionariam ao grupo a eliminação da concorrência e de entraves à atividade econômica, possibilitando a constituição de um monopólio de mercado”, informou a PF.


Temer diz em pronunciamento que torce pelo novo presidente
Governadores eleitos e reeleitos entregam carta a Bolsonaro
veja +
Universidades apoiam criação de fundo patrimonial, mas criticam trechos da MP 851
Comissão aprova isenção de IPVA a ex-proprietário de veículo
Excesso de peso em bagagens no transporte aéreo pode ter novas regras
veja +